segunda-feira, 28 de junho de 2010

When you're gone

Hold on to love
That is what I do
Now that I've found you

And from above
Everything's stinking
They're not around you

And in the night
I could be helpless
I could be lonely
Sleeping without you

And in the day
Everything's complex
There's nothing simple
When I'm not around you

But, I miss you when you're gone
That is what I do
Ba... baby

And its going to carry on
That is what I knew
Hey baby

Hold on to my hands
I feel like sinking
Sinking without you

And to my mind,
Everything's stinking
Stinking without you

And in the night
I could be helpless
I could be lonely
Sleeping without you

And in the day
Everything's complex
There's nothing simple
When I'm not around you

And I miss you when you're gone
That is what I do
Hey baby
And its going to carry on
That is what I knew
Hey, baby.

The Cranberries

domingo, 27 de junho de 2010

Foco na solução

Um cliente vai num consultório psicológico e diz: - Toda vez que estou na cama,
acho que tem alguém embaixo dela. Aí eu vou embaixo da cama e acho que tem
alguém em cima. Pra baixo, pra cima, pra baixo, pra cima… Estou ficando
maluco!
Psicologo diz:
- Deixe-me tratar de você durante dois anos. -diz o psicólogo – Venha três
vezes por semana, e eu curo este problema.- E quanto o senhor cobra? – pergunta o
paciente.
- R$120,00 por sessão – responde ele.
- Bem, eu vou pensar – conclui o sujeito.

Passados seis meses, eles se encontram na rua.
- Por quê você não me procurou mais? – pergunta o psicólogo.
- A R$120,00 a consulta, três vezes por semana, dois anos é R$ 37.440,00, ia ficar
caro demais, aí um sujeito num bar se propôs a me curar por R$ 10,00.
- Ah é? Como? – pergunta o psicólogo.
O sujeito responde:
- Por R$ 10,00 ele cortou os pés da cama…acabou minha mania de procurar
em baixo dela, hoje durmo tranquilo.

Muitas vezes o problema é sério, mas a solução pode ser muito simples!

HÁ GRANDE DIFERENÇA ENTRE: FOCO NO PROBLEMA E FOCO NA SOLUÇÃO!!!

Foque uma solução ao invés de ficar pensando no problema. Problemas sempre irão existir, mas a solução é você quem faz.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

vivendo...


“É melhor tentar e falhar que preocupar-se em ver a vida passar;

é melhor tentar, ainda em vão, que fazer nada até o final;

eu prefiro na chuva caminhar, que em dias tristes em casa me esconder;

prefiro ser feliz, embora louco, que em conformidade viver.”


Martin Luther King

domingo, 20 de junho de 2010

Ensaio Sobre o Pedalar


"Qual é a “mística” por detrás do simples pedalar, qual é a força que faz com que dia após dia peguemos nossas bicicletas e saiamos a percorrer os caminhos do mundo? Qual é a real dimensão existencial?
Talvez pelo fato de que a bicicleta é ao mesmo tempo o meio e o fim, para reencontramos amigos e fazer novos, olhar para velhos conhecidos nos olhos e sermos cúmplices de um momento único.

Quiçá é pela mudança de ótica frente a nós mesmos, frente a nossa cidade e suas riquezas que muitas vezes passam desapercebidas devido ao ritmo que a modernidade nos exige, dessa tecnologia pronta e enlatada que quer nos aprisionar em caixas de metal e nos impedem de sermos nos mesmos.

A bicicleta é uma paixão às primeiras pedaladas, pela bicicleta li muito. Se pudesse ler pedalando leria mais, mas tem a paisagem para ser vista...
Li que o dono de um carro gasta mais de três meses por ano para
comprá-lo, mantê-lo e ficar preso dentro dele no trânsito. Quem é dono
de quem? Li que se pegarmos toda a distância anual percorrida de carro
por um norte-americano e dividirmos por este tempo de três meses,
chegaremos à razão de 6km/h: a velocidade de uma pessoa à pé. Corremos
tanto para chegar aonde? Li que meia hora diária de exercícios reduz em 50% a chance de termos diabetes, obesidade ou problemas cardíacos, prolongando a vida.

As atividades físicas estimulam a produção de substâncias (Endorfinas) que nos dão sensação de prazer, de bem estar, aliviando tensões e permitindo desta forma, um melhor rendimento em outras atividades menos prazerosas, mas nem por isto menos necessárias.

Nesta linha de raciocínio, pedalar pode ser uma forma de aumentar nossa auto-estima, pois viabiliza-nos ver com mais clareza as soluções de nossos problemas e aproveitar melhor os momentos.

Foi somente através da bicicleta que descobri e assimilei as conexões da transdisciplinaridade. Viajei no tempo com os casarões da minha cidade vistos de ângulos jamais sonhados, me equilibrei e fiz milhares de cálculos por minuto, calculei que em meia hora um ciclista anda 10km (a 20km/h), quando o deslocamento médio nas cidades é de somente 8km (a 7km/h). Li que 80% da poluição urbana vêm dos automóveis.

Desafiei meu organismo e ele me respondeu à altura dos meus limites, interagi com o meio fazendo parte dele sem modificá-lo, sem contaminá-lo, inspirou poesia...

Eu diria aos vestibulandos que andassem de bicicleta para renderem mais nos estudos e alcançarem a tão disputada vaga na universidade.

Eu diria a alguns motoristas que a rua não é somente deles e que aqui vai pedalando um pai de família, assim como muitos que andam por ai e que tem na bicicleta como o seu ganha pão. Eu convidaria estes mesmos motoristas a bater um papo conosco e quem sabe possamos ser bons amigos?

Se eu pudesse, pediria aos futuros candidatos à prefeitura e aos vereadores que abraçassem a causa de uma política de transporte que pudesse equacionar desde o pedestre até o caminhão.

Se alguém me pedisse uma opinião sobre um problema eu lhe diria para sair para pedalar que logo encontrará a solução, assim como o fazia Einstein.

Quem sabe a gente ande de bicicleta pelo desafio físico que o pedalar nos exige e cada destino alcançado é a nossa medalha olímpica, a capacidade de superação que imprimirmos para chegar onde queremos, a cada curva que conquistamos.

Uma vez ouvi numa palestra que se todo revolucionário plantasse uma
horta o mundo seria outro. Pois subam nas bicicletas também, revolucionários! Nossa arma é o pedal, nossa trincheira o guidon, nosso alvo: o mundo!

Enquanto somos atacados por todos os lados por buzinas, vales transporte, finas de pára-choques, xingamento, disparamos:
“Ra-ta-ta-tá! "Ra-ta-ta-tá"? Não! Bicicleta faz "Trling, trling...

Com licença colega !... trling." Uma arma lenta, mas eficaz e permanente!
Dizem que perguntaram à Madre Teresa de Calcutá:

-"Como se faz para mudar o mundo?"

-"É fácil: eu mudo eu, você muda você."
Um dia verão: "mudamos"!

Um forte ciclo-abraço para todos."

Hector Horacio Severi Cardoso

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Unindo o útil ao agradável

Em um fim de semana desses, fomos pra João Pessoa a fim de fazermos minhas coletas de liquens e solo para montar meu experimento para minha Dissertação de Mestrado.

Primeiramente, agradeço a grandiosa colaboração dos meus amigos do PROTEN, nas figuras de Maria Cláudia & Eduardo, e Geovane.


Acordamos bem cedinho, no sábado, para fazermos as coletas no municipio de Alhandra, Estado da Paraíba.


Maria Cláudia & Eduardo. Companheiros de coleta de campo e de "vadiagem"...


Pois bem. Aspecto da minha área de coleta. Área de remanescente de Cerrado em pleno domínio de Mata Atlântica...


Coletando liquens...


"Garota Propaganda" ou "líquen girl"

=P


Eis a minha espécie liquênica: Cladonia salzmannii Nyl.


Coleta do solo a 0,20m de profundidade...

...

Tarefa cumprida, é hora de relaxar!!!

=]



Fomos à Tambaba (não na área de nudismo!!! Todos continuamos com roupas!!!)

=]


Se eles se beijam...


Eu também beijo minha "nininhaaa"... Saudades!!!


e tudo é motivo pra lembrar dela e querer compartilhar tudo!!!


Vista de Tambaba...


Tambaba tem várias prainhas desertas...


Também fomos à Coqueirinhos!!!

=D


No domingo, acordamos cedinho para irmos à Barra de Camaratuba. Outra praia fantástica para a contlemplação paisagística e à prática do surf!!!

Pranchas no carro, eh hora de zarpar!!!


Saindo da BR-101, entramos numa "massacrante" estrada por dentro do canavial em consórcio com turbinas eólicas!! Além do belo visual, destacam-se esses enormes "cata-ventos"...


Chegando na praia, eh hora de estrear minha nova pranchinha em companhia do meu parea de surf, meu grande amigo Marcos "gordo"!!!


Encontro do rio com o mar.
Aqui também eh a melhor entrada pro pico!!!


Depois do surf...


um banhozinho nas águas salobras do rio...


Depois de um belo dia, eh hora de voltar pra casa, com as lembranças das belas paisagens e a maravilhosa companhia dos amigos. Além do carro todo sujo!!!

hauhauahuaauahuahau

Faz parte...

=]

segunda-feira, 7 de junho de 2010

4 meses

Mais um mês de mta alegria... Alegria ter uma pessoa super carinhosa, atenciosa, romantiquinha e outras virtudes mais. Além de ser BONITONA!!!

Por enquanto ta meio difícil de se comemorar esta data juntos, no entanto, sei que o dia de ficarmos juntos de vez, está por chegar!!!

=]

Como de costume, mais musiquinha pra essa Barroca linda!!

TE AMO, pirraia!!!

=P

***
MEU ESQUEMA

"Ela é meu treino de futebol
Ela é meu domingão de sol
Ela é meu esquema

Ela é meu concerto de rock'roll
Nação, minha torcida gritando gol
Minha Ipanema

Ela é meu curso de anatomia
Ela é meu retiro espiritual
Ela é minha história

Ela é meu desfile internacional
Ela é meu bloco de carnaval
Minha evolução...

"Morena"
Tento descrever o que é estar com você

Princesa
Todos vão saber que eu estou muito bem com você

Ela é minha ilha da Fantasia
A mais avançada das terapias
Meu Playcenter

Ela é minha pista alucinada
A mais concorrida das baladas
Meu inferninho

Ela é meu esporte radical
Poderosa, viciante, mas não faz mal
Meu docinho

Ela é o que meu médico receitou
Rivaldo Maravilha mandando um gol
Minha chapação...

"Morena"
Nem dá pra dizer o que é estar com você

Princesa
Todo mundo vê que eu sou mais..."

Mundo Livre S/A, adaptado por mim

=P

sexta-feira, 4 de junho de 2010

A "Marginalidade" reunida no aniversário do meu primo


A fuleragem começa pelo bolo... hauhauahuhuahauaua

ele não gostou muito!!

=P


A "Marginalidade" reunida, sempre regada a Cervejas e adjacências!!!


Primos e amigos da vila!!!